Ícone do site Diletante Profissional

10 Dicas para fazer um release para divulgar sua HQ/Evento/etc

 

Mas, afinal, o que é um release?





Segundo a wikipédia:

Comunicado de imprensa, boletim de imprensa ou press release é um comunicado feito por um indivíduo ou organização para a imprensa visando divulgar uma notícia ou um acontecimento de interesse pessoal, coletivo ou midiático. Por trás de tais comunicados estão geralmente assessores de imprensa ou empresas de relações públicas. Essa forma de comunicação surgiu em meados da década de 1950 e tornou-se veículo de comunicação indispensável de empresas do mundo todo.

E qual a relevância disso para você, autor, editor, produtor de evento?

A mídia hoje é algo extremamente fragmentado e com vários níveis de penetração nos diversos nichos de mercado. A TV e os jornais ainda são a grande mídia, de maior alcance. Mas, muitas vezes, uma nota no Universo HQ é mais revelante para um autor procurando financiamento coletivo no Catarse do que uma divulgação no Jornal Nacional. Isso acontece porque o público desse site é muito mais focado no seu interesse.

Se tem um milhão de sites, blogs, canais no youtube e por aí vai, como você apresenta sua novidade para esses canais?

Justamente através do press release.

Muitos site, inclusive, publicam, mesmo que sem explicitar o release na íntegra com poucas alterações.

Assim, o press release é uma forma de divulgar gratuitamente o seu trabalho para um público maior do que o que você conseguiria sozinho, convertendo ele em notícia.

(alguns site podem cobrar para publicar a notícia, sinceramente não conheço ninguém no meio dos quadrinhos que tenha essa prática, mas, caso se depare com um caso desses, fica a seu critério avaliar se o que a pessoa cobra é válido diante de toda a divulgação que você pode conseguir sem custo nos demais sites.)

Dito isso, vamos as dicas para fazer um bom press release:

1- Ter alguma novidade para contar: pode parecer meio óbvio, mas objetivo é conseguir a publicação de uma notícia, então você precisa estar lançando, relançando ou apresentando uma coisa que possa ser convertido em notícia.

2- Não faça uma dúzia de releases: como eu disse, você tem que ter uma novidade, mas se você vai fazer uma turnê de lançamento autografando em vários lugares, feche as datas todas e mande um único press release. Eu sei que pode parecer interessante estar em destaque todas as semanas, mas, principalmente sites maiores, recebem um volume grande de pedidos de notícia e o seu segundo, terceiro ou quarto release pode não ser uma prioridade.

3- Não seja inconveniente: outra coisa que pode parecer óbvio, mas principalmente na área dos quadrinhos, a maioria dos sites não gera renda ou gera uma renda irrisória. Então as pessoas não se dedicam a isso 24hs e muitas vezes não é possível dar atenção a todos os releases que chegam. Se não saiu nota sobre o seu trabalho, não se ofenda e não ofenda o site. Lembre-se que todos estão tentando fazer o seu melhor, que ninguém tem a obrigação de postar sua notícia e que o meio dos quadrinhos é minúsculo e rapidamente as pessoas vão saber do seu comportar.

4- Título: o título deve ser curto e destacar o mais importante. Lançamento da HQ X. Feira Y acontece dias XX

5- Conteúdo: comece seu release com um parágrafo curto que sintetize o que você quer dizer. Muitas vezes é esse parágrafo que vai aparecer em destaque no site e nas redes sociais. No restante do texto seja objetivo e deixe as informações mais técnicas (preço, formato, número de páginas, endereço, etc) para o final.

6- O que não pode faltar: para publicações: preço, formato, número de páginas, sinopse, se é colorido ou p&b, onde comprar (se é direto com o autor ou links para compra), contato com o autor (site/redes sociais), crédito a todos os artistas envolvidos na publicação e imagem da capa;

para eventos: endereço completo, dia e hora, se a entrada é gratuita ou valor e local de compra dos ingressos, programação completa ou link para programação completa, contato com os organizadores.

Como eu disse, a maioria dessas informações podem ficar no final do texto, mas são imprescindíveis.

7- O que é legal ter: caso alguém relevante no mercado já leu sua publicação e mandou um elogio, é legal ter esse elogio, entre aspas, com o devido crédito para servir como referência. Também é legal ter curiosidades, participações especiais, informações sobre extras, algumas páginas de preview ou link para site com preview ou história extra.

8- O que não é legal ter: auto-elogio, excesso de exclamações, afirmações sem base ou autointitulada como “melhor quadrinho disso”, afirmações contestáveis etc.

9 – Esteja aberto ao contato: alguns sites gostam de fazer uma nota mais completa, fazer uma entrevista com o autor ou coletar mais informações para a nota ficar no padrão deles. Sempre se coloque a disposição para responder.

10- Não espere elogios: salvo um elogio específico a um trabalho anterior, ninguém vai fazer uma nota recomendando ou elogiando seu trabalho sem conhecê-lo. A notícia é diferente da resenha. A notícia é uma mera informação da existência do material, a resenha é uma análise que depende da leitura e do tempo. Se você quer uma resenha de um site em específico, pode perguntar se aceitam receber um exemplar. Alguns youtubers e sites cobram e cobram caro por resenha, apesar de ser uma prática que eu pessoalmente discordo completamente, é algo que acontece. Mas lembre-se, mesmo quando você mandar seu material, a pessoa não é obrigada a resenhar e muito menos a elogiar se não gostou.

Eu já fiz muita resenha no meu tempo de UHQ, hoje em dia eu só falo dos títulos que eu gosto e todas minhas resenhas são espontâneas de materiais que eu comprei e algumas poucas de materiais que eu ganhei.

Receber o material ajuda o resenhista, porque muitas vezes, por essa não ser uma atividade remunerada, ele não possui dinheiro para apostar em novos autores.

Eventualmente, se eu não gosto de um material que me deram, hoje em dia eu costumo falar em particular com o autor e não faço resenha para falar nem faço resenha que divirja da minha opinião. Isso não é pratica vigente, mas é uma política minha.

Dica extra 1: monte uma lista de contatos, comece com os endereços dos sites que você lê, pergunte para colegas para quem eles enviam os releases e deixe salva essa lista para próximas publicações.

Dica extra 2: existe a opção de contratar uma assessoria de imprensa, mas cuidado, pesquise bem antes de contratar e contrate alguém que é da área, já vi várias assessorias divulgando material e dizendo: “lançamento do HQ”. Ou seja a pessoa contratou uma pessoa que não faz nem ideia de que HQ significa A História em Quadrinhos.

 

 

Sair da versão mobile