O pintor Anthony van Dyck, o pigmento Vandyck brown e a barba van Dyck

Compre livros com desconto aqui https://amzn.to/2BHsh7d

Sir Anthony van Dyck (22 de março 1599 – 9 dezembro 1641) foi um pintor belga, grande representante do barroco flamengo, que fez sucesso como retratista na corte inglesa.

Van Dyck está entre os grandes pintores da arte figurativa clássica, em uma fase anterior ao impressionismo na qual o realismo e a técnica formal ainda eram a regra.

Ele na juventude ele trabalhou como discípulo de outro pintor clássico, Peter Paul Rubens, mas logo adquiriu fama e seguiu seu próprio caminho.

O tema principal de van Dyck eram os retratos, área que ele dominou e estabeleceu padrões de composição que até hoje definem o retrato clássico (por isso ele é atribuído como uma das influências de John S. Sargent).

Como era comum na época o outra temática dele eram as cenas religiosas, há poucos registros de paisagens dele, mas ele é tido como um artista importante para o desenvolvimento da aquarela e justamente nessa técnica que ele fez seus estudos de paisagem (vale lembrar que na época a aquarela era tida como uma técnica menor, mais de estudo e as obras de arte eram feitas a óleo).

Um detalhe curioso sobre Van Dyck é o tanto que ele é influente até hoje mesmo entre quem não conhece o trabalho dele. A pintura a óleo tradicional usava muitos os tons marrons, terrosos e ocre, um desses tons foi batizado de Vandyke brown, que é um pigmento semitransparente feito de uma matéria orgânica cujo os principais depósitos estão em Colonia, na Alemanha. É um pigmento de alta permanência que foi batizado em homenagem ao pintor devido ao uso que ele fazia dessa cor.

Outro elemento atribuído a Van Dyck é um corte de barba muito usado até hoje na caracterização de personagens excêntricos tanto na ilustração quanto no cinema, o corte consiste em um bigode alongando e um cavanhaque pontiagudo sem a interligação entre o bigode e o queixo.

No vídeo, além de mostrar algumas obras, a barba e a cor, eu fiz uma pequena análise de algumas das técnicas que valem ser estudadas na obra desse pintor