Padoca do Mani

Nunca entrei no Mani, provavelmente nunca vou entrar, esses restaurantes conceituais de preços fenomenais não me atraem muito, acho que eles estão na categoria evento, você até pode ir uma vez na vida pra ver como é, mas não mais que isso.


Agora, a Padoca do Mani é outro assunto. Não canso de falar aqui sobre boas padarias e como elas são essenciais para trazer mais qualidade ao trivial.

Já fui uma vez comer na Padoca do Mani e o que é servido de fato é muito bom, contudo, as mesas são tão disputadas que prefiro apenas ir lá para comprar os pães perfeitos que eles produzem.

O chamado pão da casa, um pão simples, super leve super crocante é uma grande estrela em qualquer café da manhã. Além dele tem uma variedade razoável de pães rústicos com suas cascas grossas e seus tamanhos avantajados. Da última vez, compramos um que foi uma verdadeira surpresa, dentro da sua casca firme e crocante, no meio do miolo elástico e perfumado pela fermentação natural, tinha gotas bem distribuídas de queijo que acrescentavam sabor sem ser invasivas.

Se for julgar pelo pão que a padoca produz, o Mani merece todos os elogios e prêmios que recebe.

Além dos pães tem alguns bons doces como um bolo de chocolate, muffins e outras coisas simples e boas.

A padoca funciona também como uma vendinha de uma boa seleção de produtos de produtores artesanais bem difíceis de se encontrar em outros lugares.

Conta: Pão rústico $14/ Pão da Casa $4 / Bolo de chocolate $17 (abril/17)

Vale? Sim, tem coisas que valem mais como os pães, tem coisas que são um pouco caras, mas tudo é bom lá. Se você tiver paciência para ficar na espera que pode ser bem longa, principalmente nos fins de semana, vale também comer alguma coisa lá.

Mais informações no site http://manimanioca.com.br/padocadomani/