Ruaa

Ruaa é meio difícil de classificar, é um restaurante moderninho na Vila Madalena que faz alguns clássicos em um cardápio que não tem como ser mais globalizado, já que vai do steak tartar ao carbonara.



Pela cara do Ruaa parece que o forte mesmo é o atendimento a noite, com seus tijolinhos expostos para quem gosta de um fundo bacana para selfies e um cardápio de drinks e bebidas.

Fomos no almoço que, além do cardápio de clássicos tem algumas opções no combo entrada + prato + sobremesa.

Na entrada nossas opções foram o pastel de queijo cheddar pra mim, que era um pastel honesto, apesar de ser uma entrada meio sem graça e a salada para a esposa, que apreciou o tempero com balsâmico e as folhas frescas.

Nos principais fomos com o contra-filé com chimichurri, arroz e fritas e um risoto de cogumelos com filé de frango. Os dois pratos eram bons, bem feitos, mas nada de extraordinário.

Na sobremesa minichurros fininhos com um doce de leite caseiro que tinha um sabor curioso puxado para o melaço de cana.

No geral, a comida em si do Ruaa não é memorável. O preço é ok ($40 por pessoa o executivo), mas parece que falta um pouco de vida e inspiração na cozinha.

O lugar que entrega tudo, tudo certo é bom, é claro, mas é aquele bom para um dia a dia, um bom acomodado, meio seguro, meio sem surpresa.

Conta: $88 (dois executivos, sem bebida) (julho/17)

Vale? Não vou dizer que não vale o que cobra porque seria desonesto, mas não voltaria ao Ruaa. O que sobra de charme e carisma na atmosfera do restaurante falta nos pratos.