Tradi

A Tradi veio na segunda ou terceira onda da modinha das hamburguerias e foi alçada à categoria de uma das melhores de São Paulo, provavelmente por ser dos mesmo donos do estrelado Attimo. As mesas estão sempre cheias e as filas são frequentes nessa lanchonete da Vila Nova Conceição.



Depois de muito tempo e alguns relatos de que lá não era tudo isso que falavam, fui conhecer o lugar.

A decoração é moderninha, os papéis e letreiros da casa vendem uma ideia de que tudo é artesanal e super bem feito, MAS, quando você olha o cardápio e as coisas começam a chegar, a verdade aparece.

Pra começar a casa deve ter o patrocínio da Hellman´s, que é o único motivo que explica você servir um catchup industrializado temeroso. Até aí, vários lugares tem o rabo preso com esse catchup, como o Holy Burger.

O problema fica sério é quando se percebe que a maionese também é essa porcaria pasteurizada e ultraprocessada da Hellman´s e é usada para acompanhar batatas também industrializadas da McCain.

Olha, não sou contra os estabelecimentos de uma categoria “normal” vender McCain e usar Hellman´s, Achapa, que eu adoro, usa McCain, mas a Achapa não tenta vender a ilusão de lugar super bom, super artesanal, a proposta deles é ser um lugar cotidiano, então é ok isso.

Agora, no Tradi, isso se torna inaceitável, só o fato do lugar usar um marketing tão mentiroso de artesanal e tudo mais já é motivo para não ir lá.

Sobre o hamburguer, nada de mais, pelo contrário.

O ponto da carne na casa é mais para o bem passado, pedido ao ponto veio com o hamburger com um rosa bem sutil no meio. O meu lanche veio extremamente salgado e o da esposa com um alface tão velho e feio que sinceramente dava vontade de devolver, só não valia a pena devolver porque já era certo que nada de bom sairia da cozinha pasteurizada e poser do Tradi.

O milkshake de groselha é ok, nada muito além.

Pelo que comemos, tudo indica que o Tradi segue a linha comercial do famoso Paris 6, investe pesado em “celebridades” que tiram uma foto com o lanche e economiza no que realmente importa, na qualidade do que serve.

Já fui uma vez no Attimo e tinha gostado, depois de ir no Tradi, sinceramente passei a ter muito medo de voltar no Attimo.

Conta: $104,00 para duas pessoas (julho/17)

Vale? Definitivamente não, um lugar que se diz hamburgueria e que não faz a própria maionese, que usa batata industrializada e que tenta vender a idade de que é boa, moderna e cuidadosa é um lugar que está mentindo tanto na sua cara que certamente é necessário duvidar da qualidade e da procedência de tudo que é vendido lá.